Osteoporose: por que o método Gyrotonic® pode ser benéfico?

A população mundial está envelhecendo. Algumas enfermidades afetam mais aqueles que chegam à melhor idade e uma que traz muito desconforto e muitas dores: A osteoporose, que é definida como a perda acelerada de massa óssea, ocasionada pela diminuição da absorção de minerais e cálcio. Os idosos que desenvolvem a osteoporose podem sofrem graves consequências uma vez que os ossos ficam mais frágeis e uma simples queda pode gerar graves lesões ou traumas.

Os exercícios praticados no Método Gyrotonic® oferecem completa liberdade de movimento

Além dos riscos de cair, o paciente com osteoporose fica com a mobilidade comprometida, apresentando assim uma grande dificuldade para caminhar e realizar atividades do dia-a-dia. Todos esses fatores podem afetar o aspecto psicológico do paciente, por muitas vezes ele terá medo constante de realizar diversas tarefas. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), 30% da população diagnosticada com osteoporose é formada por mulheres acima de 50 anos. Já os homens correspondem apenas 8% na mesma faixa etária. Se levarmos em conta a população com mais de 70 anos, o número de mulheres supera os 70%. Isso é algo preocupante.

Os pacientes que têm osteoporose não podem praticar atividades com impacto ou que exijam esforço demasiado, por esse motivo o Gyrotonic é  ideal

Há como frear o avanço da osteoporose com a inclusão de cálcio combinado com vitamina D na alimentação do idoso, o que vai ajudar a aumentar a massa óssea e levar a um
maior fortalecimento dos ossos. Mas ainda assim é preciso combinar com a prática regular de exercícios, já que comprovadamente, a atividade física, ajuda a aumentar a densidade óssea.

Por que o Gyrotonic® é benéfico?
Os pacientes que têm osteoporose não podem praticar atividades com impacto ou que exijam esforço demasiado, por esse motivo o Gyrotonic é ideal. Com o método, os exercícios são feitos de modo suave trabalhando o equilíbrio, a coordenação motora e ao mesmo tempo fortalece os ossos, músculos e tendões de forma global.

O Gyrotonic também trabalha a coordenação motora e ao mesmo tempo fortalece os ossos, músculos e tendões de forma global

Os exercícios praticados no Método Gyrotonic® oferecem completa liberdade de movimento, tendo sido desenvolvido de maneira a oferecer uma resistência uniforme e constante, eliminando o impacto sobre as articulações durante a realização dos exercícios, o que é providencial para quem tem osteoporose, e previne de forma substancial eventuais lesões.

É preciso lembrar que, para o sucesso do tratamento, é preciso o acompanhamento de uma equipe multidisciplinar, ou seja, uma nutricionista, o médico e um profissional que seja capacitado, treinado e com o certificado do método Gyrotonic®.

Continue acompanhando nosso blog para ficar por dentro de novidades e dicas sobre bem estar e saúde. Se você se interessou pelo método, clique AQUI e marque uma avaliação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp